Panorama sobre uso dos celulares na AL

Reproduzo aqui o ótimo material publicado no Celularis.com [em espanhol]
Neste material iremos encontrar um panorama sobre o uso dos celulares na América Latina (AL), tendo o Brasil um papel importante.

De acordo com o artigo, a AL é um mercado atraente para o ramo dos celulares, onde a penetração alcança 89%, quase superando os EUA. As conexões naquela região passam dos 500 millhões (de uma população de 589 mi), o que representa 89 aparelhos para cada 100 habitantes.

Sobre a Internet móvel, a autora descreve três razões para justificar a baixa penetração:

1. falta de redes móveis de alta velocidade;
2. a pouca quantidade de telefones compatíveis com estes serviços e
3. preços acessíveis para o uso ilimitado dos serviços web.

Espera-se que até o final de 2010 a aquisição de smartphones chegue a 8.6%; o que pode maximizar o acesso à Internet por meio destes dispositivos.

Em relação ao que fazem os usuários com seus celulares, os sites mais acessados são Google, Facebook, Microsoft Live e YouTube, nesta ordem. No Brasil, o Orkut ainda está entre os mais acessados.

Das marcas: a maioria tem aparelhos Nokia e Sony Ericsson.

Íntegra do texto: Estadísticas del uso de los móviles en América Latina

Anúncios

Telecomunicações

Nas pesquisas realizadas hoje, encontrei uma área no site da Teleco onde estão várias publicações de Trabalhos de Conclusão de Cursos (TCC) sobre telecomunicações. A subseção Telefonia Celular conta com 98 trabalhos publicados.

Além do material já disponível, o site permite novas colaborações. Vale conferir!

Seção Tutoriais

Número de celulares

Dados preliminares divulgados pela Anatel indicam que o Brasil terminou o mês de julho de 2010 com mais de 187 milhões de celulares e uma densidade de 96,83 cel/100 habitantes. Quase um para um! É interessante fazer o comparativo com o mesmo período de 2009, quando se registrava quase 162 milhões de aparelhos. O crescimento no ano foi de mais de 25 milhões, o que representa 15,50%.

Contudo, as adições líquidas de 1.886 mil celulares no mês foram inferiores às de julho de 2009 (2,3 milhões).

O crescimento do póspago foi maior do que o do pré. A base do prépago diminuiu no mês de julho, representando 82,22% do total de celulares.

Em contrapartida à boa nova, o número de pré-pagos continua alto: 82,22%. Este número pode representar uma limitação à internet móvel. Quem sabe, com o crescimento do número de smartphones (52,2%, segundo o IDC), isso mude. Aguardemos confiantes!

APP para audiovisual

Ao realizar minha pesquisa para a conclusão do trabalho da pós-graduação com o teacher e repórter-fotográfico Paulo Munhoz (@munhozphoto) encontrei o aplicativo Animoto.

Achei muito bacana  por que ele permite que, a partir do seu iPhone, você crie seu audiovisual, aproveitando vídeos e fotos que estejam no aparelho. Além disso, é possível compartilhar o resultado. Bem legal!!

> APP Animoto

Vários artigos

Gente, encontrei a revista eletrônica Telos (da Fundação Telefónica – em espanhol). Em sua última edição (83) traz uma série de artigos sobre o mundo móvel, com a temática “Uma sociedade em mobilidade: novas fronteiras”.

“La movilidad, la ubicuidad en la comunicación encarnan hoy múltiples dispositivos que han conquistado un lugar cada vez más decisivo en los usos sociales. Las aportaciones analíticas de los 14 especialistas que escriben en este dossier van mucho más allá de la consideración de la telefonía móvil e incluyen otros aspectos de la sociedad en movilidad que se basa en lo que algunos autores han llamado ya cuarta pantalla y que está provocando cambios radicales en distintos ámbitos de la vida humana.” 


Os artigos

Antonio Miguel Fumero Reverón
Introducción. La Red en el móvil

Juan Miguel Aguado Terrón, Inmaculada J. Martínez Martínez
Construyendo la cuarta pantalla. Percepciones de los actores productivos del sector de las comunicaciones móviles

Francisco Vacas Aguilar

Redes sociais por celular

Pesquisas divulgadas nesta sexta(9), pela eMarketer e IDC nos EUA, apontam que o acesso/uso de redes sociais por meio de celulares impedem a “desconexão” destes usuários em relação aos seus afazeres. Ou melhor, ao trabalho.

Após ler isto, logo me identifiquei e resolvi postar aqui para ratificar a informação. Realmente, desde que passei a trabalhar com conteúdos para dispositivos móveis, não sei mais o que é me desligar. Mas, assim como retratam as pesquisas, isso não é nenhum martírio para nós – os “workaholics” do mundo móvel.

Segundo o IDC, 75% da população ativa usará internet móvel até 2013 e, parte dela, pensa em levar para suas férias algum dispositivo para se conectar com o seu local de trabalho. Já os dados da eMarketer revelam que, desde a crise econômica, 30% da população afirma não poder se desconectar do trabalho em nenhum momento e que este fato não se percebe como algo negativo.

Fonte: marketingdirecto.com

Nova pesquisa

O iab-Brasil (Interactive Advertising Bureau Brasil) divulgou nesta segunda, 21, novos indicadores da internet móvel no País. Por sinal, dados bastante positivos e interessantes.

Para citar alguns, já são 176,8 milhões de celulares (91,7 cel. por 100 habitantes), onde 82,5% são pré-pagos. A venda de smartphones no Brasil cresceu 15,1% em 2009. Do todal de aparelhos, 8,1 milhões de consumidores usam 3G.

14% dos usuários Classe A já possuem internet em seus dispositivos móveis. E, dentre os conteúdos mais acessados, os 10 primeiros são: redes sociais, música, esportes, jogos online, vídeos, lazer/entretenimento, páginas pessoais, chats/bate-papo, compras online e sites de operadoras de celular.

Para aqueles que acham que assistir vídeo por celular não é nada confortável, a pesquisa surpreende com a elevação do acesso de 65% em maio/2009 para 68%¨em dezembro/2009. Os vídeos e filmes são os destaques destes números, computando mais de 23 milhões de acessos em dezembro contra os mais de 20 milhões registrados em maio do mesmo ano.

Veja o relatório completo [.pdf]

Fonte: Mobilepedia